Walk on

Estou em uma fase em que tenho ouvido demais uma música do U2 chamada Walk On, e os versos iniciais são simplesmente maravilhosos:

E o amor não é uma coisa fácil.

É a única bagagem que você pode trazer

Amor não é uma coisa fácil

A única bagagem que você pode trazer

É tudo o que você não pode deixar para trás

(a tradução completa você lê aqui: http://letras.terra.com.br/u2/69864/)

Realmente, o amor não é uma coisa fácil, mas é tudo aquilo que não podemos deixar para trás e relacionamento longos e amor são sempre coisas complicadas.

Inicialmente há a paixão. Paixão que consome e queima a alma com marcas que ficam para sempre. Mas a paixão muda com o tempo, e com esta mudança vem o amor.

O amor é muito mais forte do que qualquer paixão, embora seja diferente: exige cuidado, exige atenção. Se levado com cuidado e com atenção, torna-se a maior força possível na vida das pessoas.

Mas, se não for cuidado ou se se esperar dele o que só a paixão pode dar, então ele deixa de ser o amor pleno e manifesta a sua faceta mais terrível, a solidão, o medo e a desesperança.

Caso isso aconteça, precisamos nos fiar no que diz o velho Bono nesta canção:

E se a escuridão for nos separar

E se a luz do dia parece estar muito longe

E se seu coração de vidro se partir

E por um segundo você quiser voltar atrás

Oh, não, seja forte

Continue em frente, continue em frente

O que você conquistou, eles não podem te roubar

Não, eles não podem nem sentir isso

Continue em frente, continue em frente

Mantenha-se segura esta noite

Desejo que você tenha amor e paixão. Mas, acima de tudo, desejo que você saiba cuidar da paixão e dar a ela o que ela merece e, quando se tornar amor, cuide deste amor, você não se arrependerá.

E se você teve um amor e seu coraçãozinho foi estraçalhado em um moedor de carnes e você acha que nunca mais irá amar, eis aqui o que nos diz nosso amigo irlandês:

E eu sei que dói

E o seu coração, ele se partiu

E você pode aguentar mais um pouco

Continue em frente

Deixe para trás

Você tem que deixar isso para trás

Tudo o que você produz

Tudo o que você faz

Tudo o que você constrói

Tudo o que você quebra

Tudo o que você mede

Tudo o que você sente

Tudo isso você pode deixar para trás

Tudo o que você raciocina, é apenas tempo

E eu nunca estarei acima do que procuro

Tudo o que você percebe

Tudo o que você conspira

Tudo que você veste

Tudo o que você vê

Tudo que você cria

Tudo o que você destrói

Tudo o que você odeia

Madeira

PS 1 – Para quem quiser tirar dúvidas comigo (prometo tentar responder as dúvidas de todos, mas não abusem, rs): professormadeira10@gmail.com

PS 2 – Agora em agosto lanço três livros: a) Da prova penal (minha dissertação de mestrado transformada em um manual sobre provas); b) A nova lei do procedimento do júri comentada (em co-autoria com o Gustavo Junqueira); c) Livro coordenado pelo Luis Flávio Gomes sobre as mudanças no sistema probatório (com vários autores, ainda sem título definitivo).

Autor: guimadeira

Sou um cara de fé que acredita em sonhos. Fã incondicional de Shakespeare, Paulo Coelho e de Gabriel Garcia Marques, também adoro Neil Gaiman e Steven Spielberg. Ah, também tenho vários livros publicados, sou mestre e doutor em processo penal pela USP e Juiz de Direito. Corredor amador.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s